8 de abr de 2010

FEST ESTRANHA PRA GENTE ISQUISITA

clique na imagem e leia o detalhe

Estes dias estave eu com a produção deste evento, que está causando frisson na cidade; apesar de ter encontrdo entusiasmo mesmo somente por pate da produçao dele. A programação está de um bom gosto sem discussão, mas levando em consideração que este mesmo evento conta com vários patrocínios, dentre eles a Renúncia Fiscal das leis Dijalma Maranhão, Câmara Cascudo e Roanet. Este mesmo evento pôs o MADA, no chinelo, pois usa da mesma inacessibilidade e valores exorbitantes dos preços do ingressos. Qual a Contrapartida oferecida, para nós cidadãos que já pagamos por essa brincadeirinha? A incerção de artistas locais nisto? como você pode observar, o espaço dado na divulgação para os Artistas nacionais e olhem o que é oferecido aos artistas locais. Estou bastante comovido com a beleza da fotografia e o histórico de vida de cada um. São inexistentes aos olhos de quem é produtor nesse estado. Tenho muito carinho por Jussara Figueiredo, mas é foda, saber que a maioria dos produtores noRN, vem do eixo Rio-São Paulo fazer balbúrdia com dinheiro público e colaborar dessa forma para com a música e formação de platéia em nossa cidade.
reforço a curadoria que aprovou este projeto nas leis de incentivo a questionarem, pois, o Villa Hall está cituado no Hotel Vila do Mar (Via Costeira) e o valor dos ingressos para este evento em cada noite custam: (mesa para 04 pessoas) R$ 140,00 (mesa para 06 pessoas) R$ 260,00 e estudante R$ 20,00 tem direito a meia por uma cadeira lááááááááááááááááááááááá atrás como informa a telefonista quando você entra em contato pelo telefone 84 3207 6566.
E quando questionei a produção do evento sobre o porque do local escolhido, pasmem: É que na via costeira é muito legal, tem ônibus e taxi para todo mundo. Se nem no Bardallós o povo de natal tem esse conforto todo; Vá lá no Villa Hall.A cada dia esse povo tá mais sínico, mais tirando onda com a nossa cara. deixo aqui o meu repúdio e digo. Adoraria ser uma borboletinha nessa hora, só para pousar por lá para ver a imbecilidade do povo natalense com suas melhores becas, balançando gelo em copo de wisky a noite inteira curtindo o Fest Bosta Jazz. Jussara e Companhia, Não é pessoal não, mas é que estou pagando também para o sucesso deste empreeendimento que só atinge o meu bloso. pensem melhor na próxima edição.